Memorias

Espaços de lazer e cultura na Maré

Maré, Rio de Janeiro

Os espaços verdes na Maré potencializaram as possibilidades do meu corpo, minha articulação com ele, o território e a arte. Compartilho uma memória que fala de algumas áreas que não existem mais que estavam ligadas às relações de bem viver e de produzir arte.

Na minha infância eu tinha alguns espaços que me permitiram ser expressiva, movimentar meu corpo, exercitar minha arte e desenvolver minha imaginação. Neles eu tinha a liberdade de me movimentar, de correr, gritar e de ser livre. Estes espaços contribuíram para o despertar de um desejo artístico que me move até hoje.

Neste lugar tinha bastante árvores, adultos e muitas crianças correndo para todos os lados. Era um espaço que a gente conseguia dançar, fazer peças, rodas de conversa etc..ter um espaço onde corpos possam falar livremente é extremamente importante para formação de uma pessoa,está ocupando esse lugar foi alimentando um desejo de fazer coisas com meu corpo, de fazer política com este corpo marginalizado,escravizado,julgado,usado e adjetivado. Foi assim que descobri o quanto aquele lugar era impactante na minha formação como pessoa e como artista (pensando na minha adolescência).

Além de ser um espaço grande e a céu aberto, ainda tinha muitas árvores por todo lugar, que tornava tudo mais fresco, com muita Neste lugar tinha bastante árvores, adultos e muitas crianças correndo para todos os lados. Era um espaço que a gente conseguia dançar, fazer peças, rodas de conversa etc..ter um espaço onde corpos possam falar livremente é extremamente importante para formação de uma pessoa, está ocupando esse lugar foi alimentando um desejo de fazer coisas com meu corpo, de fazer política com este corpo marginalizado, escravizado, julgado, usado e adjetivado. Foi assim que descobri o quanto aquele lugar era impactante na minha formação como pessoa e como artista (pensando na minha adolescência).

Minha mãe foi a pessoa mais importante neste processo, pois ela me apresentou este lugar mágico. Ainda trago na minha memória todas as crianças que cresceram e brincaram comigo naquele lugar.

Este lugar mágico que tanto falo se chama Salsa e Merengue, um dos territórios das 16 favelas do complexo da Maré, uma grande Maré com maravilhosos 140 mil habitantes.

Leer tambien

¡Contar historias tiene poder!

Apoiadores e parceiros: